Produtores já podem retirar sementes de forrageiras diretamente nas agropecuárias

Foto: Pixabay/Divulgação

A Secretaria Municipal da Agricultura e Meio Ambiente de Cruzeiro do Sul informa aos produtores rurais que tiveram vendas registradas em seus Talões de Produtor no ano de 2020, que os mesmos poderão fazer a retirada de suas sementes de forrageiras (aveia/azevém, ervilhaca e outras), diretamente nas agropecuárias credenciadas, até 30 de abril.

A distribuição começou nesta segunda-feira e a lista com os nomes e os valores a que os produtores tem direito estão disponíveis na agropecuária do Pedrinho e Languiru, no Centro; na Arla, de Linha Primavera; no Comércio Puhl, da Boa Esperança; e na Casa do Campo, em São Rafael. O agricultor pode fazer a compra e assinar a retirada. O valor que cada produtor rural tem direito depende do valor adicionado constante em seu Talão, o qual é obtido pela soma das vendas de produção primária, menos as compras ou entradas de notas lançadas.

Ano passado foram reajustados os valores. Sendo assim, os produtores de leite que tiverem valor adicionado entre R$ 6.850,00 e R$ 13,7 mil têm direito a um vale de R$ 82 para compras de sementes dentro do município. Demais produtores com este valor adicionado não têm direito. Já os produtores de leite que tiverem valor adicionado entre R$ 13,7 mil e R$ 32,9 mil têm direito a um vale-compras no valor de R$ 150. Demais produtores com este valor têm direito de R$ 82. Ainda, os agricultores que tiverem valor adicionado acima dos R$ 32,9 mil têm direito a R$ 233, no caso de produtores de leite, ou R$ 150 para os demais produtores, sempre levando em consideração a compra dentro do município.

No total, de acordo com a Secretaria, serão em torno de 500 produtores beneficiados o que representa um investimento de aproximadamente 72,8 mil por parte do município.

Milho troca troca

A Secretaria Municipal da Agricultura e Meio Ambiente também lembra que, em função do Decreto de Situação de Emergência, os produtores não precisarão pagar os valores referentes as sementes do Troca-Troca Safra e Safrinha.

Últimas Notícias:

COMPARTILHE

Facebook
Twitter
WhatsApp
Email