05 janeiro , às 09h29 | Política

Ministro da Defesa descarta necessidade de Exército para julgamento de Lula

Foto: Divulgação -

O Ministro da Defesa, Raul Jungmann, afirmou nesta quinta-feira (4) que não vê necessidade do uso das Forças Armadas do Exército no dia do julgamento do ex-presidente Lula em Porto Alegre, em 24 de janeiro.

O assunto veio à tona após o prefeito Nelson Marchezan Jr. enviar ao presidente Michel Temer um pedido de convocação da Força Nacional e do Exército para atuarem na cidade.

Jungmann lembrou ainda que não é prerrogativa de prefeitos fazer um pedido ao presidente da República para o uso das Forças Armadas.

O secretário de Segurança Pública do Rio Grande do Sul, Cezar Schirmer, disse que “não quer um ambiente de guerra” durante o julgamento do ex-presidente. A Secretaria de Segurança Pública teria sido surpreendida pela decisão da Prefeitura de Porto Alegre.

Correio do Povo/Grupo Independente

 


O Portal CRUZEIRODOSUL.NET não se responsabiliza pelo uso indevido dos comentários para quaisquer que sejam os fins, feito por qualquer usuário, sendo de inteira responsabilidade desse as eventuais lesões a direito próprio ou de terceiros, causadas ou não por este uso inadequado.

Copyright © 2015. Todos os direitos reservados a cruzeirodosul.net